jusbrasil.com.br
30 de Maio de 2020

Examinandos de todo o Brasil cobram justiça à OAB e pedem anulação de questões recorridas

Questões viciadas e até mesmo plágio rolou novamente no último exame da ordem XXX. OAB até o momento não se posicionou a respeito, esperar o que da FGV ?

Felipe Guio, Bacharel em Direito
Publicado por Felipe Guio
há 7 meses

Aconteceu de novo pessoal!

No último exame da ordem realizado dia 20/10/2019, aconteceu de tudo que se pode imaginar. Questões com 2 assertivas corretas, questões que não tinham resposta correta, contrariando entendimento de tribunais, teve até questão que viola o edital da e o pior crime de plágio. isso mesmo CRIME em uma prova que é para examinar atestar a capacidade de futuros advogados!

E a OAB? como sempre inerte, me parece que quando a filha FGV comete ato ilícito a mãe OAB não gosta de dar tapas no bumbum, não muda essa banca que já não tem credibilidade.

Já abrimos várias reclamações e pedidos junto a ouvidoria do conselho federal da OAB, que permanece inerte, principio do contraditório e ampla defesa não funciona nessas entidades, buscamos apenas justiça por parte da FGV em reconhecer os erros e o melhor acertar as provas, dedicamos tempo, investimos dinheiro para fazermos uma prova de má-fé por parte da OAB e FGV, justiça já!

25 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Queremos Justiça!!!Fazendo uso do direito à liberdade de expressão, os candidatos do XXX Exame de Ordem da OAB, vêm por meio deste, denunciar o DESCASO da OAB diante das manifestações LÍCITAS, que estão ocorrendo em razão das questões inadimissíveis que integraram (e normalmente integram) o Exame de Ordem da OAB. A banca FGV, responsável pela elaboração da referida prova, tem demonstrado nítidamente que a intenção da prova não tem sido o de avaliar o conhecimento do candidato, fazendo uso de questões capciosas, com mais de uma assertiva correta, ou ainda, sem nenhuma alternativa correta. Demonstrando que o caráter "objetivo" da prova de 1ª fase, só ocorre no que diz respeito à impossibilidade de o candidato argumentar a questão, pois nos demais requesitos, deixam a desejar, uma vez que dispõem de provas bastante extensas, por trazerem nas questões textos exaustivos, com "rodeios" desnecessários, e ainda, com vícios insanáveis, como os destacados acima.

E para agravar ainda mais a situação, o exame em comento, possui no seu histórico, a ocorrência de DOIS "supostos" CRIMES DE PLÁGIO, na elaboração de exames CONSECUTIVOS (XXIX e XXX). Diante do exposto, pedidos ajuda para que possamos ver a APLICABILIDADE DA JUSTIÇA ocorrer no Exame de Ordem da OAB, pois acreditamos que o maior ENSINAMENTO é feito com EXEMPLO.

Vale ressaltar, que a luta dos candidatos do XXX Exame de Ordem da OAB, vai muito além da obtenção de aprovação na 1ª fase do exame, uma vez que estamos requerendo apenas o que é nosso por DIREITO, uma PROVA VERDADEIRAMENTE JUSTA. Sendo assim, acreditando que paira na OAB o senso de justiça e o repúdio à impunidade, aguardamos as ANULAÇÕES DE TODAS AS QUESTÕES NECESSÁRIAS, e demais providências que se espera daquele que tem o dever de lutar pelo que é JUSTO. Esperamos também, esclarecimentos acerca do "suposto" plágio mencionado.
Desde já, certos da compreensão e ajuda, agradecemos encarecidamente. continuar lendo

lembrando que o resultado da prova sairá amanhã e até o momento a oab e fgv não opinaram continuar lendo

Fazendo uso do direito à liberdade de expressão, os candidatos do XXX Exame de Ordem da OAB, vêm por meio deste, denunciar o DESCASO da OAB diante das manifestações LÍCITAS, que estão ocorrendo em razão das questões inadmissíveis que integraram (e normalmente integram) o Exame de Ordem da OAB. A banca FGV, responsável pela elaboração da referida prova, tem demonstrado nítidamente que a intenção da prova não tem sido o de avaliar o conhecimento do candidato, fazendo uso de questões capciosas, com mais de uma assertiva correta, ou ainda, sem nenhuma alternativa correta. Demonstrando que o caráter "objetivo" da prova de 1ª fase, só ocorre no que diz respeito à impossibilidade de o candidato argumentar a questão, pois nos demais requesitos, deixam a desejar, uma vez que dispõem de provas bastante extensas, por trazerem nas questões textos exaustivos, com "rodeios" desnecessários, e ainda, com vícios insanáveis, como os destacados acima. continuar lendo

Temos que fazer justiça sempre.. continuar lendo

vai ser feita amigo! continuar lendo

Vale ressaltar, que a luta dos candidatos do XXX Exame de Ordem da OAB, vai muito além da obtenção de aprovação na 1ª fase do exame, uma vez que estamos requerendo apenas o que é nosso por DIREITO, uma PROVA VERDADEIRAMENTE JUSTA. Sendo assim, acreditando que paira na OAB o senso de justiça e o repúdio à impunidade, aguardamos as ANULAÇÕES DE TODAS AS QUESTÕES NECESSÁRIAS, e demais providências que se espera daquele que tem o dever de lutar pelo que é JUSTO. Esperamos também, esclarecimentos acerca do "suposto" plágio mencionado.
Desde já, certos da compreensão e ajuda, agradecemos encarecidamente. continuar lendo

Verdade Caro João Carlos, colocaram um tapa olho na oab. tempos sombrios amigo! continuar lendo